07/05/2015

BC - Maratona de maio

Mais uma BC. Esta é da Alê do blog Alê Bordados e Crochê e da Silvana do blog Meus Devaneios Escritos.
A intenção desta blogagem é para movimentar a blogosfera. 
Curioso. Pensei que estava lento para mim, por minha presença volúvel por aqui, mas parece que "o problema" é geral.
Blogueiras e blogueiros devem estar conscientes que o Blogger depende única e exclusivamente de sua disciplina e comportamento. Sei que não sou um exemplo vivo de blogueira, porém, sou a que procura dar o seu melhor, mesmo quando parece impossível de fazer.
Venho percebendo uma falta de reciprocidade e é bom lembrar que foi por este motivo que o Orkut está enterrado hoje.

A BC consiste em fazer uma maratona no mês de maio e traz como símbolo a figa de um dos meus vídeos preferidos, Pure Morning do Placebo. Nem preciso dizer o quanto AMEI a escolha.



O cronograma é o seguinte:

* 06/05 - Frase (que te Inspire )
* 13/05 - Foto (de uma Paisagem que vc quer e por algum motivo não tem)
* 20/05 - Música (que te dê ânimo para continuar)
* 27/05 - Filme (que te faz levantar e ir à luta)


Começando hoje (um pouco atrasada) com a frase que me inspira.



Eu não posso dizer que sou fã de Paulo Coelho. Sequer li esta obra denominada O Aleph. Meu último risco com o autor foi Adultério. No entanto, há de se reconhecer que em se tratando de frases de efeito, ele lidera o topo.
Esta em especial eu gostei muito, me fez lembrar de Jó.
Sim, o próprio, da Bíblia. Aquele cujo livro costuma ser interpretado de forma radical e ouso dizer, até mesmo equivocada, por muitos cristãos.
Algumas pessoas não conseguem compreender o que parece, a princípio, uma "mera competição de egos" entre Deus e Satanás. Já conheci ex-cristãos que tiveram como impulso para sua descrença, a má interpretação deste livro aparentemente tão controverso.
Como Deus pôde castigar um homem tão bom e leal só para provar ao diabo que ele Lhe era fiel?
Como disse, à princípio parece isto, porém, Jó entrega o que o levou a este destino em um momento aleatório, em um só versículo:

"Porque aquilo que temia me sobreveio; e o que receava me aconteceu". Jó 3:25

Ou seja, ele temia! E se ele temia, receava, significa que ele era um homem de pouca fé, que acabou atraindo tudo aquilo de ruim que é relatado para si.
Aprendemos com as próprias Escrituras sobre o medo:

"Porque Deus não nos deu o espírito de temor, mas de fortaleza, e de amor, e de moderação". 2 Timóteo 1:7

Aqui fica registrada minha primeira participação na maratona deste mês.


Mi F. Colmán


Fechando com chave de ouro: a música "inspiração" que caracteriza a BC.




I´m bleeding, quietly living I´m living, quietly bleeding - Dominik
 renata massa