domingo, 31 de maio de 2015

Uma música que me faz seguir adiante - BC Maratona de Maio

Como maio ainda não acabou, está no finalzinho, minha maratona muito menos. De modo algum iria deixá-la para trás. Foi uma ideia fenomenal das colegas Alê do blog Alê - Bordados e Crochê e Silvana Haddad do blog Meus Devaneios Escritos  para movimentar a blogosfera. E tenho certeza que o intuito deve ter dado muito certo, visto que estive ausente uns dias por motivos de força maior (o verdadeirp inferno para efetuar inscrição no ENEM e simulados no cursinho). 
Resolvi fazer um post para cada tema, como solicitado nas regras delas.

Seguindo o cronograma: A música que me faz seguir adiante.



Admito que esta temática me pegou, porque geralmente escuto músicas com letras profundas, depressivas (coisa de gótica / screamo, nem liguem) que me servem de catarse. Porém, lembrando de um show que fui, uma música que curti demais a letra e achei super forte foi O Sol de Jota Quest
Eu nem era fã da banda (para ser honesta, tinha até uma certa birra), assisti "acidentalmente" o show em um encontro de motoqueiros, no entanto, como tenho uma mania incorrigível de valorizar demais as bandas pelo conteúdo de suas composições, esta composição me atingiu em cheio ao ser tocada.
Ela é um convite ao desapego e à superação. Confiram por si mesmos:



Hey dor!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada
Hey medo!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada

E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou

E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou

Hey dor!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada
Hey medo!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada

E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou
É pra lá que eu vou

E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou

Yeah! Han!
Caminho do Sol, eh!
Lá lararará!
Caminho do Sol, eh!

E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou

E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou
É pra lá que eu vou

Lá lararará, lararará
É pra lá
É pra lá que eu vou
Lá lararará, lararará
Aonde eu vou?
Aonde tenha Sol
É pra lá que eu vou
Lá lararará, lararará
É pra lá
É pra lá que eu vou
Lá lararará, lararará
É pra lá que eu vou
É pra lá que eu vou
Lá lararará, lararará

Dor e medo: dois inimigos principais que não devemos escutar para seguir adiante em nossas vidas.


Mi F. Colmán


14 comentários:

  1. Gostei de tua participação e dessa letra da música! bem escolhida e que o medo e dor fiquem longe de nós! Linda semana! bjs, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chica. Obrigada! :)
      Que fiquem bem longe de nós mesmo!
      Lindo feriado para ti.
      Beijos.

      Excluir
  2. Oi Mi, tudo bem?!
    Bom, eu amei sua escolha, pois afinal gosto e muito
    de algumas músicas da Banda Jota Quest!
    Desejo uma semana feliz pra vc.
    Bjs \o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clau! Tudo sim. :))))
      Eu já não sou fã do Jota Quest, mas essa música realmente me pegou, rs.
      Desejo um ótimo feriado para ti.
      Beijos! \0/

      Excluir
  3. Ah, eu adoro essa musica!!!!
    Que o medo e a dor nao sejam frequentes em nossa vida! Mas, infelizmente existem!
    Gostei muito da sua participacao! Eu acho que sou uma das ultimas romanticas do planeta, pois postei filme romantico e musica tbm, rsrsrsrsrsrsrsrsrs. To me sentindo uma ET!!!!! Verdade!!!
    Bjs e que junho so te traga alegrias!
    Ah, obrigada pelas palavras carinhosas que vc deixou nos blogs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu!
      Sério que tu também gosta? Acho a letra dela master!
      Nós realmente desejamos que o medo e a dor estejam bem longe de nós, mas como eles existem, o ideal é pelo menos tentarmos seguir o conselho da música em não lhes dar ouvidos.
      Ah, minha escolha de filme aparentemente é bem sombria, porém, se analisar o roteiro é extremamente romântico! hahahaha!
      Beijos minha querida amiga, desejo o mesmo para ti.
      Não tem nada do que me agradecer, a gente só recebe aquilo que oferece. ;)

      Excluir
  4. Adoro esta música também, <3 obrigada pela mensagem fofa que deixasse no meu blog,eu também adoro meia arrastão <3
    beijos e ótima semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vana!
      Meia arrastão é tuuudo, né? rs.
      Não tem por que agradecer, tu sempre é muito gente boa por aqui.
      Beijos e ótimo feriado para ti e para a Maki.

      Excluir
  5. Olá,Mi, boa noite... feliz em "revê la"...ah é, não sabia que tu gostava de músicas com letras profundas, depressivas e não conhecia essa música do J.Quest e , também, nunca fui fã da banda, ouço e gosto de algumas...O sol significa luz...procurar a saída da escuridão, que a dor e o medo causam,pois tanto o medo e a dor , são amigos ou inimigos...amigos, quando motivam respostas de defesa diante de ameaças à nossa integridade e são inimigas , quando são desproporcionais ao que as/os originaram ou apresentam duração excessiva ou então, ocorrem sem nenhuma justificativa...em qualquer caso, devemos enfrentar nossas angustias e dificuldades,com a intenção de sempre querer sair para o Sol...
    Resposta seu comentário ....no meu início, e talvez como qualquer outro, visitava alguns blogs com milhares de seguidores e pensava" uia,quero ter também", mas, depois vi que isso não tinha nada à ver, tanto que muitos fecharam e outros estagnaram, prefiro a qualidade do que a quantidade, prefiro ter dois ou três ,fidelizados com o meu conteúdo, do que esses que só querem ancorar seu link no meu painel...
    ser problogger, viver e ganhar dinheiro com o blog , se esquecem que o que segura e vende será sempre o conteúdo...eu ainda prefiro ser esse "amador", por prazer e , lógico, publico para que outros leiam ,apesar que não faço divulgação , nem tenho páginas, nem participo de grupos mais , só tenho perfis pessoais nas redes e nem gosto de falar sobre blog lá...a única coisa que eu uso bastante é o Agregador de links, para que me leiam ,sem visitar, e para a leitura de meus favoritos...é verdade,já tinha percebido o modismo ,os "youtubers", são todas muito repetidas. Outro dia,estava procurando alguns vídeos de Flash Mob, que adoro e "entrei" num vídeo, e não é que tinha uma "fileirinha" com a mesma tag, fui assistindo, cada uma que nem te conto...lógico,que vi vários ótimos,mas...
    sobre o texto longo...é que "reclamam" quando a minha postagem fica longa, por isso...
    agradeço pelo carinho de sempre , belos dias,beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Felisberto, muito feliz em revê-lo também por aqui. :))))
      Sabe, gosto de letras que tenham conteúdo, algo a dizer e consequentemente, elas geralmente são mais depressivas e profundas. rs.
      Também nunca fui fã de Jota Quest, na real, eu sempre tive (e confesso que ainda tenho) uma certa birra por essa banda. Não gosto do vocal, acho bem ruim, até mesmo irritante. Porém, como sou muito apegada a letras, não tinha como evitar essa.
      O problema da dor e o medo estão exatamente nisso, na duração excessiva. Afinal, eles fazem parte de nossas vidas e muitas vezes nos ajudam a crescer. Ruim é quando não há domínio de ambos.
      É bem verdade que nós que estamos dando os primeiros passos ficamos admirados com um blog que conquistou tantos seguidores como o teu. Mas também é bem verdade o que tu disse, nem sempre um número grande no painel corresponde ao número de comentários. O meu, apesar de pequeno, não posso de forma alguma reclamar da indiferença dos que me seguem. De colegas, tornaram-se em grande parte amigos. Percebi isso no teu blog também. Tem seguidores bem fiéis pelo que vejo.
      As pessoas estão vendo o blogger e o youtube como forma de ganhar dinheiro "fácil", mas isso não acontece, principalmente pela falta de conteúdo. Vemos muito mais qualidade nos considerados "amadores".
      Também faço pouca divulgação do Rivotril, quando há atualização posto no Google + e na fan page do Facebook, que tem curtidas de pessoas que nunca vi por aqui, é muito estranho. Meu Twitter anda mais parado que foco de dengue e por minha causa mesmo. Já os grupos eu participo de alguns sem participar. Tipo, estou lá dentro, mas raramente divulgo meus posts, talvez seja um erro... Talvez...
      Sobre youtubers, sempre gostei de quem já se definiu de cara como vlogueiro e trabalham em equipe usando de humor como o Felipe Neto, Parafernalha, Porta dos Fundos... O restante é meio de amargar. rs. Digo "meio" porque vejo que tem muitas blogueiras que gostam desses papos mulherzinhas de make e penteados, eu estou em outra vibe no mundo virtual. Make e penteados eu crio com meu próprio estilo, jamais me espelharia nessas gurias.
      Agora tags em vídeo acho totalmente desnecessárias, sinto até certa vergonha alheia quando vejo. Na real, sinto vergonha alheia de grande parte das youtubers que paro para assistir. rs.
      Como te disse, só cederei aos vídeos se for realmente necessário para o destino da minha literatura e precisarei de um curso de oratória, pois não me sinto nem um pouco à vontade diante de câmeras, pagaria mico total hahahaha!
      Sobre textos longos, infelizmente percebo que muitos que vivem online querem tudo mastigado, são extremamente imediatistas e querem que os escritores também o sejam. Mas ao menos para mim, é praticamente impossível me limitar a poucos caracteres, a textos curtos (o último que fiz sobre vingança agora é imenso) e nem quero limitar meu trabalho. Textos longos são até mesmo úteis para filtrar futilidades e pessoas que não gostam de ler. E, claro, quem não gosta de ler, não tem muito a nos acrescentar.
      Quem gosta de ler, lê até ebooks de mais de 500 páginas no computador. Essa desculpa de que ler no pc é ruim não cola mais, do contrário, o Wattpad não estaria lotado de gente ávida por leitura.
      Eu que agradeço o carinho de sempre Felis, belo feriado para ti.
      Beijos.

      Excluir
  6. Olá minha linda vim te visitar ,ficar e agradecer
    seu carinho la no meu CANTINHO...adorei ouvir essa
    Musica porque é a minha preferida do Jota Quest gostei
    de tudo voltarei sempre para um cafézinho

    Abraços com carinho!

    └──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rita! Muito bom te ver por aqui também minha querida, seja muito bem-vinda! :))))
      Achei teu cantinho virtual muito aconchegante e também, com certeza, passarei sempre por lá para um cafezinho. rs.
      Que bom que acertei na música. ;)
      Beijos e bom feriado para ti. :)))))))

      Excluir
  7. Oi Mi. As palavras da poesia são o que sinto. Estou lutando contra isso desde muito tempo e a maneira que encontrei foi em transformar a dor em poesia. A musica que te incentiva a seguir em frente também é a minha. Principalmente quando fala da dor. Mas ainda não consegui ir até o sol.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju.
      Eu sempre meio que perscruto os poetas e poetisas, porque há muitos que expressam-se puramente pela Arte e não por estarem sentindo aquilo. Inclusive, esta é uma grande reclamação que a poetisa que vez ou outra estou divulgando aqui por gostar muito, Ádila Cabral, costuma fazer. Como ela escreve poemas góticos, malditos, tristes e obscuros, ninguém a deixa em paz no Facebook acreditando que ela está mal, quando muito pelo contrário, a vida dela vai muito bem, obrigada. No caso dela, é uma questão de gosto.
      Infelizmente no teu não é e lamento por saber disso. Ainda bem que a poesia te serve como uma catarse. Talvez muitas vezes não consigamos ir até o sol porque não nos damos conta que ele precisa residir dentro de nós.
      Beijos querida amiga e obrigada por partilhar seus sentimentos.

      Excluir

"Não compartilho meus pensamentos achando que vou mudar a cabeça de pessoas que pensam diferente. Compartilho meus pensamentos para mostrar às pessoas que já pensam como eu que elas não estão sozinhas". Autor desconhecido

"Ser feliz é saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um “não”. É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta". Augusto Cury

É muito bom saber que gostou da postagem e irá comentar.
A moderação de comentários está ativada e tratarei de responder apenas o necessário, se houver.
Se tiver um blog, deixe a url no final do comentário para que possa encontrá-lo.
Comentários tais como ofensas, discriminação, divulgação de sorteios, de blogs ou que não tenham a ver com o conteúdo da postagem não serão publicados. Grata.

Mi F. Colmán

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"Enquanto eu estiver por aqui e me for possível, escrever continuará sendo a medicação mais forte e a terapia mais eficaz para a minha sobrevivência". Mi F. Colmán

Quem ri por último, Rivotril

Quem ri por último, Rivotril
Mais um Rivotril. O restinho dos ratos gritando somem. O restinho das pombas macabras somem. O restinho dos corvos somem. Todos para longe. Lá vai a mulher que assusta. Tati Bernardi.