terça-feira, 19 de maio de 2015

Paisagem que me inspira
























Se eu disser a vocês que não sou uma pessoa muito chegada a paisagens, pensarão que sou um ET?
Pois bem, não sou o tipo que se concentra em paisagens. Claro que gosto de estar em lugares bonitos, porém, não é isso que afetará meu humor. Ele depende muito mais de dentro para fora do que o oposto. Posso estar em um lugar onde todos considerem péssimo e estar bem comigo mesma.
Não tenho a urgência de ir ao campo ou à uma praia deserta quando preciso relaxar. Assim como posso me divertir tanto em uma balada cheia quanto em uma mesa de pizzaria com poucos amigos.
O que curto contemplar são cemitérios. Cemitérios são inspiradores, na verdade, as maiores inspirações que tive das minhas estórias já escritas foram inspiradas em visitas a eles. Ou simplesmente visitando-os em minha imaginação. Esta última sim, me leva longe.
Caminhar pelo cemitério pode ser uma excelente terapia. Embora seja um local de tristeza, é de reflexão, onde o orgulho, a vaidade e todos os sentimentos mesquinhos se resumem ali. Todos vamos, inevitavelmente, dar de cara com a morte um dia.
Fico também fascinada com a arte dos cemitérios. Um dos meus sonhos turísticos é conhecer o Père Lachaise em Paris, onde Jim Morrison e outros nomes conhecidos foram sepultados.
Mega atrasada na BC Maratona de Maio da Alê e da Silvana, declaro que a paisagem que me inspira é a que fica entre as lápides e túmulos. Entre a vida e a morte. 
Ou a outra vida, ainda desconhecida.


Mi F. Colmán



20 comentários:

  1. Isso só vem a provar que cada um é diferente que o outro. Vi cemitérios antigos, com estátuas lindas em Londres. Mas nunca me animei... Prefiro olhar pra cima, ver os céus,rs bjs, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ou talvez os góticos que sejam diferentes demais né Chica? Para mim os céus tem em qualquer lugar e não são muito diferentes, mas como já disse, não sou mesmo chegada a paisagens, não me inspiram, só a dos cemitérios. rs.
      Beijos.

      Excluir
  2. Mi,
    Vc eh realmente especial. Interessante vc gostar de contemplar cemiterios. Tem umas construcoes bem bonitas em alguns deles, mas nao eh meu passeio predileto.
    Aqui, em Ottawa, a maioria dos cemiterios nao tem construcoes, eles colocam tipo uma lapide com algumas mensagens, datas e nome do falecido, na grama, onde a pessoa eh enterrada.Todos sao bem cuidados, com muito verde e passam muito paz. Gostei muito da sua participacao, sua ET!!! ( Brincadeirinha, te admiro pra caramba, quase usei outra palavra; ia ficar feio se eu a usasse). Bjs e uma noite de paz pra vc! Tbm to participando dessa BC.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, o "especial" vindo de ti, só posso considerar como um elogio, portanto, muito obrigada minha amiga.
      Eu penso que não seja o passeio predileto de ninguém que não tenha qualquer ligação com a subcultura gótica. Embora tenha conhecido algumas pessoas (ou eu as converti? rs) que mesmo não curtindo o Goticismo, acabaram por admirar as belezas de um cemitério.
      Sim, aí é como nos Estados Unidos e uma boa parte dos países, mas isso não tornam os sepulcros mais simplórios, considero-os lindos também.
      Hahahaha, ET assumidérrima!
      Beijos, estou mega atrasada com a BC que tive que publicar dois posts ao mesmo tempo para não atrasar de vez!
      Mas quero conferir a todos os participantes.
      Beijos.

      Excluir
    2. Pode considerar , "pessoa especial" como elogio! Gosto do seu jeito gotico!!! Bjs

      Excluir
  3. Olá! Boa Noite Mi!
    Confesso que não me sinto bem visitando cemitérios, acho muito triste e sempre saio um pouco deprimida! Vamos dizer que ainda não cicatrizei uma ferida! Quem sabe um dia né?
    Mas lendo seu post, posso entender o pq de vc gostar...comecei a olhar com os seus olhos e realmente tem algo belo nos cemitérios...um lugar que faz realmente as pessoas a refletir sobre como levam a sua Vida! E que tudo que fizer ou deixar de fazer, o fim é o mesmo...então o importante é Ser Feliz!
    Nossa adoro essa música, teve uma época que ouvia direto...amei relembrar...
    Levei seu link!
    E obrigada pela sua participação!

    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alê! Boa noite!
      Tenho algumas feridas não cicatrizadas ainda também, a morte de um amigo e sei como é. Evito aquele cemitério em especial, embora em dias especiais sinta em meu coração levar flores ao seu túmulo. Mas é um processo indiscutivelmente doloroso.
      Que legal que conseguiu captar o "outro ângulo" dos cemitérios, é bem por aí mesmo.
      Sou super fã do Evanescence e como esse vídeo foi filmado no cemitério, achei que se encaixaria perfeitamente ao post.
      Obrigada por ter levado o link, acho que ando meio lerda nessa parte ae.
      Beijos.

      Excluir
  4. Oi Mi
    Não é uma paisagem que me inspire mas também não me causa repugnância afinal é para lá que vamos um dia. Pensando sobre o seu texto as lápides costumam ter umas esculturas bem trabalhadas, verdadeiras obras de arte, Por este ângulo até que eu poderia me inspirar
    Um super beijo querida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gracita!
      Mas é exatamente por este ângulo que me inspiro, não seria tão mórbida a este ponto (seria? Bom, não sei, huahuahauahau!)
      Falando sério, sei que há muita gente que tem medo de cemitério, seja por superstições ou por ser um local que indiscutivelmente traz à tona lembranças dolorosas.
      O legal é visitar os que tu não tenha vínculo algum, só para admirar a paisagem e se inspirar.
      Beijos minha querida.

      Excluir
  5. Boa noite! ficou linda sua participação!
    Então vc gosta de cemitérios?
    Ai,ai,eu não,sei que um dia vou pra lá...Mas por em quanto quero distância kkkkk
    Bjssss http://castelodeyasmin.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Yasmin! Ficou linda mas tu quer distância? Como assim???? huahuahauahau!
      Sim, eu adoro cemitérios, acho-os extremamente inspiradores, principalmente para o tipo de literatura que costumo desenvolver.
      Mas imaginei a reação das pessoas com essa minha "revelação". rs.
      Sei que ainda estou te devendo, assim como a metade do mundo, uma visita. Agora o Estado aqui os professores entraram em greve, terei um tempinho extra para colocar tudo em dia.
      Beijos.

      Excluir
  6. Oi Mi:
    Não tenho absolutamente nada contra cemitérios.
    Porém, minha sensação em relação a eles é de tristeza.
    Mas, devo admitir que alguns possuem um cenário contendo imagens bonitas - como essa que você postou - e que no final das contas, agradam um olhar mais apurado e sensível.
    Bjs.:
    Sil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Silvana.
      Sensação normal, acho que geral sente isso. Não conheço ninguém que não tenha sofrido uma perda, seja de amigo ou ente querido.
      Esse "outro olhar" que costumo manter para poder me inspirar e escrever. E também, não sei te explicar, é um lugar que me relaxa.
      Beijos.

      Excluir
  7. Olha...rsssss, não é a paisagem dos meus sonhos, que faz minha cabeça, mas a única coisa que olho muito é a arte cemiterial. É linda, é triste, é misteriosa. Parece que todos os sentimentos estão naquelas obras. Mas quando começo a imaginar, mais lá no fundo... me dá um certo desconforto! Começo a pensar bobagens, me adiantando no processo.
    E você, querida amiga, sumiu?? Evaporou? rss
    Grande beijo, amiga!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A arte cemiterial é impressionante, amiga.
      Tenho como principal referência, por enquanto, o Cementerio de Recoleta em Buenos Aires, tem muita história e todos aqueles gatos lindos e maravilhosos. rs.
      Nossa... Eu não fico imaginando tão a fundo assim não, talvez por isso não me sinta desconfortável, hahahaha!
      Sumi, evaporei! Guria... Que sofrimento foi essa semana que passou para me inscrever no ENEM, o site está uma loucura! Só tinha como me dedicar a isto e também aos simulados chatos que alguns professores do cursinho prepararam para "nos testar". Agora que os professores da Rede Estadual entraram em greve, deu uma aliviada e poderei colocar as visitas e tudo o mais aqui no Blogger em dia.
      Muito obrigada pela consideração em perguntar e claro, fico de algum modo contente que tenha sentido minha falta.
      Beijos! :)))))))

      Excluir
  8. Também acho lindo,ainda mais aqueles que tem esculturas de anjos, acho lindo!

    Bom domingo, beijokas

    Vana&Maki
    http://cafezinhodasamigas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga, somos duas admiradoras de esculturas de anjos! São as que mais me fascinam em cemitérios. Lindas demais! :))))))
      Beijos e uma boa semana para ti e Maki.

      Excluir
  9. Olá, querida Mi
    Demorei a passar pela virose que tentou me derrubar e já estou numa semana de olho... hoje levantei-me e fui comprar frutas...
    Cemitério de fato e lugar pra nos lembramos de que somos pó... Mas não vou mais...
    Paisagens me inspiram mas os seus motivos são também os meus... tirando baladas... rs...
    Seja feliz e abençoada!!!
    Bjm fraternal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Roselia, minha querida, ando bem em falta contigo. Peço desculpas, a explicação está logo acima, em resposta ao comentário da amiga Taís.
      O que seria virose não? Para mim são doenças que médicos não conseguem diagnosticar e chamam dissoae! hahahahaha! De boa, falando sério, minha mana também está atacada por uma dessas e estou fugindo horrores!
      O cemitério ajuda a nos livrarmos de certas vaidades e aguça outras... rs.
      Seja muito feliz e abençoada também!
      Beijos.

      Excluir
  10. Obrigado pela visita ao meu blog!
    O meu blog é uma partilha de momentos...variado...simples e de fácil consulta onde a imagem brilha mais que a palavra!
    Apareça sempre que quiser!
    Eu não sou apreciadora de cemitérios mas reconheço (agora que tenho a minha mãe num deles desde dezembro passado) que é um lugar onde as emoções e sentimentos se entre-chocam!
    Tudo de bom!

    ResponderExcluir

"Não compartilho meus pensamentos achando que vou mudar a cabeça de pessoas que pensam diferente. Compartilho meus pensamentos para mostrar às pessoas que já pensam como eu que elas não estão sozinhas". Autor desconhecido

"Ser feliz é saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um “não”. É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta". Augusto Cury

É muito bom saber que gostou da postagem e irá comentar.
A moderação de comentários está ativada e tratarei de responder apenas o necessário, se houver.
Se tiver um blog, deixe a url no final do comentário para que possa encontrá-lo.
Comentários tais como ofensas, discriminação, divulgação de sorteios, de blogs ou que não tenham a ver com o conteúdo da postagem não serão publicados. Grata.

Mi F. Colmán

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"Enquanto eu estiver por aqui e me for possível, escrever continuará sendo a medicação mais forte e a terapia mais eficaz para a minha sobrevivência". Mi F. Colmán

Quem ri por último, Rivotril

Quem ri por último, Rivotril
Mais um Rivotril. O restinho dos ratos gritando somem. O restinho das pombas macabras somem. O restinho dos corvos somem. Todos para longe. Lá vai a mulher que assusta. Tati Bernardi.