23/06/2015

BC Junina - Música Nacional + 1 Passatempo


Super atrasada (oooh que novidade) participando da BC Junina criada em parceria entre a Alê e a Silvana Haddad.
Escolher uma música nacional... Esta foi difícil.
Foi difícil por dois motivos: Eu não costumo ouvir música nacional e acredito que tenham poucas de qualidade. Fazer o quê? Acredito que a melhor época da nossa música se foi há muitos anos atrás com o rock nacional de Raul Seixas, Legião Urbana, Capital Inicial, Kid Abelha, Cazuza, Frejat, Jay Vaquer... Ainda tem uns que resistem no rock aqui no Brasil, entre os que mais admiro são os Detonautas e o Rappa. E foi da última banda citada que escolhi uma de minhas músicas preferidas, que tem uma letra megapower e um vídeo sensacional. Recomendo a quem não conhecer que assista. 




Felizes, de uma maneira geral, geral
Estamos vivos
Aqui agora brilhando como um cristal
Somos luzes
Que faíscam no caos
E vozes abrindo um grande canal

Nós estamos na linha do tiro
Caçando os dias em horas vazias
Vizinhos do cão
Mas sempre rindo e cantando
Nunca em vão

Uma doce família
Que tem a mania
De achar alegria
Motivo e razão
Onde dizem que não
Aí que tá a mágica, meu irmão

Tá aqui e agora
No ar que rodeia
No som que nos cerca
No olho que vê
E não consegue tocar
Aí que tá o segredo, meu irmão

Que pulsa no peito
Que sente e não julga
Que tira do sério
E ascende um na cidade
E não dá pra explicar
Aí que tá o mistério, meu irmão

Eh
Descobrir o que liberta o sol
Que faz buraco
Furação do escuro, escuro, escura
Esquecer ao menos uma noite
O medo, o mal real
Que te segura

Nós estamos na linha do tiro
Caçando os dias em horas vazias
Vizinhos do cão
Mas sempre rindo e cantando
Nunca em vão

Uma doce família
Que tem a mania
De achar alegria
Motivo e razão
Onde dizem que não
Aí que tá a mágica, meu irmão

Leve e auto-reverse
Plugado no peito
Mostrando outro jeito
Batendo de frente
Com o bicho feroz, com o bicho feroz

Leve e auto-reverse
Plugado no peito
Mostrando outro jeito
Batendo de frente
Com o bicho feroz, com o bicho feroz

Pense quanto impulso
Vem de tudo ao seu redor, seu redor
Pense tudo quanto

Pode ser melhor, ser melhor

Um passatempo















Curto os jogos da Blizzard desde que me conheço por gente, porém, Diablo II continua sendo o meu jogo favorito ever! Comecei a ficar fascinada por Diablo a partir da parte I, a parte III como o jogo é bem mais funcional online, sem comentários com a minha conexão, mas do pouco que joguei, continuei perdidamente apaixonada pelo II. Para mim o dois é insuperável!
E este é meu passatempo preferido, quando estou em casa, lógico. Não sou o tipo de nerd que deixa de sair com amigos, tomar um belo de um chopp ou rejeitar um convite para um show ou balada para ficar trancafiada no quarto jogando. Mas que é um passatempo que realmente passa o tempo (certa vez passei quase dez horas seguidas jogando essa bagaça), isso é!


Quero deixar um recado a vocês. Meu final de semana e a semana passada em si foram super corridos, por isso não visitei os blogs de vocês e nem moderei os comentários. Consequência: respostas aos comentários e visitas atrasadas.
Eu agradeço a compreensão e acredito que todos entendam meu ritmo lento porque não sou o tipo de blogueira que responde ou comenta com duas linhas ou monossílabos. Se for para fazer isso, nem faço. Blogar (direito) exige tempo. Então eu entendo o porquê e sou muito grata pela paciência que todos têm comigo. Os que acompanham verdadeiramente o Rivotril com Coca-Cola sabem que levo muito a sério cada comentário e cada post. Sou blogueira como todxs vocês e sei o quanto é chato receber respostas e comentários lacônicos.

E é isso minha gente!

Mi F. Colmán

I´m bleeding, quietly living I´m living, quietly bleeding - Dominik
 renata massa